domingo, dezembro 04, 2005

A nossa pena


Começa aqui, oficialmente, um novo blog. Dedicado a publicar os escritos poéticos, em verso ou em prosa de dois poetas. Sim, poetas, porque como diz o povo de poetas e loucos...
O Eduardo Leal e eu procuraremos, com a frequência possível, partilhar convosco esses escritos já perdidos em velhos baús de recordações e que verão, agora e pela primeira vez, a luz do dia.
Dos meus, que nunca tive grande jeito e para que lhes deêm o desconto devido, digo que foram escritos provocados pelas "paixonetas" dos meus 17 / 18 anos. Os do Eduardo estão melhor organizados e terão, quase sempre, a data em que foram escritos.
Como diz a pequena insígnia do cabeçalho este espaço conterá a pena, enquanto objecto de escrita e a outra retrata o fado humano.

2 comentários:

Sulista disse...

hein??! o quê? sdjihfob ogfnb
cnvv çvkbvçsç amcxmlxmlmxm
cmldmf....TRADUZIDO Á LETRA:

Parabêns ao Eduardo Leal e ao João Lopes pelo Blog de veia artística!

Bons posts :-)

Menina _marota disse...

Bem vindos e parabéns pela iniciativa!
Eu já estou a gostar!!

Um abraço aos dois ;)